Rota do Fresco: territórios

O território da Rota do Fresco é, sempre, o território da periferia. O território da permanência, da perenidade, da constância, de uma (já estranha regulação) pela ordem natural das coisas: sem prontos-a-servir, num mundo de alfaiates, onde quase tudo é único, onde tudo é autêntico.

A Rota do Fresco, primeira rota de touring cultural no nosso país, agrega 15 municípios alentejanos: Alvito, Cuba, Vidigueira, Viana do Alentejo, Portel, Évora, Montemor-o-Novo, Borba, Vila Viçosa, Alandroal, Serpa, Moura, Castro Verde, Aljustrel e Beja.


Por vezes, fazemos incursões em territórios com a mesma matriz mas ou mais a Norte, ou ainda mais a Sul. 


Procuramos essencialmente um modo de vida, um modo de estar simples, estético e humanamente enriquecedor.

2020 © Associação Mundo Património

Rua 5 de Outubro, 22
7920-368 Vila Nova da Baronia
Portugal

(+351) 284 475 413